Siga o Suporte Ninja por email

sexta-feira, 3 de abril de 2015

Flash - desativar o plugin no Chrome aumenta desempenho

Flash - desativar o plugin no Chrome aumenta desempenho







Em primeiro lugar, caso você ainda não tenha instalado o plug-in avulso do Adobe Flash Player, clique aqui para baixa-lo e instalá-lo. Feito isso, abra o Google Chrome e digite chrome://plugins na barra de endereço, pressionando Enter em seguida. Uma página listará todos os plug-ins instalados e usados pelo navegador.


Muitos usuários afirmam que, por alguma razão, desativar Flash no Chrome resulta em um desempenho menor do que o plug-in instalado à parte, especialmente no YouTube. A solução para isso seria desativar o Flash integrado do Google Chrome e utilizar o plug-in instalado no sistema. Veremos a seguir como fazer isso e quais os resultados obtidos.


Flash - desativar o plugin no Chrome aumenta desempenho







Clique no botão + Detalhes, no canto superior direito da tela, para exibir mais detalhes sobre os plug-ins instalados.


Flash - desativar o plugin no Chrome aumenta desempenho





O Suporte Ninja fechou parceria com um dos melhores serviços de proteção digital do mundo a VyprVPN usamos criptografia militar! Proteção digital Ninja para sua empresa e sua família. (Em breve com suporte direto atravez do nosso site "Suporte NInja" em Português)



No campo Adobe Flash Player você verá dois plug-ins listados: o integrado e o avulso. Para diferenciá-los, observe os dados do campo Local. O plug-in integrado é o que está situado em C:\Program Files (x86)\Google\Chrome\Application\…\PepperFlash\pepflashplayer.dll e o plug-in avulso em C:\Windows\SysWOW64\Macromed\Flash ou C:\Windows\system32\Macromed\Flash.


Flash - desativar o plugin no Chrome aumenta desempenho


Após identificar qual é qual, clique no link Desativar correspondente ao plug-in integrado. Ao fazer isso você vai desativar o Flash do Google Chrome e o navegador passará a utilizar o plug-in do Flash encontrado no sistema. Talvez seja necessário fechar o navegador e reabri-lo para que as alterações entrem em vigor.


Flash - desativar o plugin no Chrome aumenta desempenho


Desativar o Flash do Google Chrome acelera o YouTube? resolvemos efetuar alguns testes de desempenho


A fim de verificar se esse procedimento dá resultado, resolvemos efetuar alguns testes de desempenho em vídeos do YouTube, onde os usuários afirmam se beneficiar mais dessa dica.


O primeiro teste foi realizado em um computador bastante modesto, equipado com um processador Intel Celeron D 346, 1 GB de RAM DDR 400 e placa de vídeo nVidia GeForce 7300 GS. No Google Chrome, este computador é capaz de executar vídeos do YouTube em 480p com uma velocidade razoável, mas ao alterar para 720p o desempenho cai drasticamente. Isso faz com que o movimento das cenas perca a fluidez, prejudicando a reprodução do vídeo.


Para expressar essa perda de fluidez em números, medimos a quantidade de “dropped frames” do vídeo, isto é, a quantidade de quadros que não puderam ser exibidos (cortados) face à baixa velocidade do sistema. Corte de quadros é algo indesejável, pois significa que informações deixaram de ser exibidas no vídeo e foram perdidas.


O próprio YouTube possui uma ferramenta que exibe informações sobre o desempenho do vídeo. Para ativá-la, basta clicar com o botão direito do mouse sobre o vídeo e selecionar a opção Mostrar informações sobre o vídeo.


Flash - desativar o plugin no Chrome aumenta desempenho


Com o navegador em suas configurações padrões – isto é, com o Flash integrado ativado – o YouTube registrou um alto número de quadros cortados (dropped) em apenas 60 segundos de reprodução.


Desativar o Flash do Google chrome acelera o YouTube


Após desativar o Flash integrado do Google Chrome a melhora foi notável.


Após desativar o Flash integrado do Google Chrome a melhora foi notável. Conseguimos reproduzir o vídeo em 720p normalmente. Ao medirmos a quantidade de quadros cortados dos mesmos 60 segundos de reprodução do vídeo, notamos uma queda expressiva nesse número.


Flash - desativar o plugin no Chrome aumenta desempenho


Note que ainda há alguns quadros cortados registrados, mas o número é bem menor e a reprodução do vídeo não fica tão prejudicada.


Mas descobrimos, porém, que essa dica gera resultados diferentes em computadores diferentes. Repetimos o teste em um netbook um pouco mais novo, equipado com processador Intel Atom N455, 1 GB de RAM DDR2 800 e vídeo integrado Intel GMA 3150. Apesar do processador ter um clock menor que o nosso Celeron D, isso é compensado com uma arquitetura mais recente, mais memória cache e a presença da tecnologia Hyper Threading.


Executamos o mesmo vídeo em 720p nesse computador e ele também apresentou problemas de fluidez, com um número considerável de quadros cortados nos primeiros 60 segundos de vídeo.


Flash - desativar o plugin no Chrome aumenta desempenho


Desativar o Flash integrado do Google Chrome também gerou uma melhora na fluidez do vídeo


Desativar o Flash integrado do Google Chrome também gerou uma melhora na fluidez do vídeo, mas ela não foi tão expressiva quanto no teste anterior. O número de quadros cortados diminuiu, mas na prática o ganho foi quase imperceptível.


Flash - desativar o plugin no Chrome aumenta desempenho


Resolvemos então “radicalizar” e testar a dica em um computador bem mais recente e mais “parrudo”, equipado com um processador Intel Core i7 3770K, 8 GB de memória DDR3 1600 e vídeo integrado Intel HD 4000. Nele reproduzimos o mesmo vídeo que nos testes anteriores, mas dessa vez com a qualidade definida em 1080p para exigir um pouco mais do computador.


No entanto, como era de se esperar, desativar o Flash integrado do Google Chrome não surtiu nenhum efeito na reprodução dos vídeos. Em ambos os cenários o número de quadros cortados foi igual a zero. class=”size-full wp-image-132296″ title=”YouTube: Mostrar informações sobre o vídeo” src=”http://www.baboo.com.br/wp-content/uploads/2013/03/teste-core-i7-pepper-flash.jpg” alt=”Flash – desativar o plugin no Chrome aumenta desempenho” width=”332″ height=”124″ />


Flash - desativar o plugin no Chrome aumenta desempenho


Conclusão: Realmente desativar o Flash integrado do Google Chrome possibilita que videos sejam reproduzidos com maior desempenho.


Realmente desativar o Flash integrado do Google Chrome possibilita que o conteúdo em Flash – especialmente no YouTube – dos sites seja reproduzidos com maior desempenho. No entanto esse resultado só aparece em computadores mais antigos e/ou com especificações mais modestas. Em computadores mais recentes ou mais parrudos, o ganho deve ser inexpressivo ou até mesmo nulo.


Logo, se você possui um computador que apresenta problemas de lentidão ao executar vídeos do YouTube no Google Chrome, experimente desativar o plug-in integrado do navegador.


Fonte: Baboo


Adaptado e comentado por Suporte Ninja


Todos os direitos da Adaptação e dos comentários reservados a Suporte Ninja

Visite nosso Blog: Suporte ninja